Mestre de jiu-jitsu é executado com 14 tiros no Rio

Um mestre de jiu-jitsu foi morto no bairro do Andaraí, na Zona Norte, na noite de quinta-feira (7). Imagens de câmeras de segurança registraram a execução de Rodrigo Fernandes, também conhecido como Rodrigo Cafu, de 43 anos, com 14 tiros quando ele chegava em casa. O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios (DH). As informações são do G1.

Rodrigo era professor de artes marciais na Zona Norte do Rio e também trabalhava como vigilante. A morte causou repercussão nas redes sociais. Testemunhas ligadas a ele já foram ouvidas.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento que o professor chega de moto em casa e é fechado pelos ocupantes de outro veículo. Rodrigo é atingido por vários disparos à queima roupa.

O apelido veio do pai, Moacir Fernandes, o Cafuringa, jogador profissional na década de 70. O professor morreu na hora. Ele era casado, não tinha filhos e foi morto no dia do aniversário da mãe.

Fonte: Quidnovibrasil/IstoÉ