CLDF: empresa investigada por desvios vence pregão para compra de carros

A empresa vencedora do pregão eletrônico da Câmara Legislativa (CLDF) para aquisição de cinco carros oficiais de alto padrão já foi investigada por desvio de dinheiro público na execução de contrato com o Governo do Distrito Federal.

Em 2009, na gestão de José Roberto Arruda (PR), o dono da Nara Veículos, Marcos Cardoso, e seis oficiais da cúpula da Polícia Militar – entre eles o ex-comandante-geral Antônio José de Oliveira Cerqueira – foram denunciados pelo Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) pelo crime de peculato.

De acordo com a investigação, os danos aos cofres públicos teriam sido de R$ 919 mil. Segundo a denúncia, a PM enviava carros na garantia para conserto e revisão na Nara Veículos e a concessionária emitia notas fiscais falsas.

 

Fonte: Quidnovibrasil/Metrópoles